Notícias

Sindicato da Guarda Portuária no Estado do Espírito Santo

23

jan 2014

Codesa tem que realizar concurso público, para guarda, em seis meses

Andréa Margon

mpt

Saiu, nesta quinta-feira (23) sentença referente a Ação Civil Pública, movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), contra a Cia Docas do Espírito Santo (Codesa). A empresa tem prazo de seis meses, a contar da data de hoje, para realizar concurso público para ingresso nos quadros da Guarda Portuária.

 

A determinação vale, independentemente de caber recurso. Caso não seja comprida a sentença do MPT, a Codesa será multada em R$ 10 mil/dia (caso a liminar não venha a ser cassada). Além disso a empresa foi condenada a pagar R$ 200 mil, por dano moral coletivo.

 

Segue a sentença na íntegra.

SENTENÇA+..

Em qual rede social deseja compartilhar

Curtiu? Então clique!
Notícias Similares